29 de dez de 2008

Blogodependente e Associação dos Blogueiros Anônimos

Para quem tiver paciência, achei estes dois vídeos que são muito engraçados para quem está ativamente envolvido com blogs. O único problema é que são vídeos portugueses, e as pequenas diferenças do idioma podem atrapalhar um pouco o entendimento, mas mesmo assim os vídeos continuam muito engraçados.

Blogodependente



Associação dos Blogger Anônimos

25 de dez de 2008

Cuidado com os indianos

Tenho um professor na faculdade (Ciência da Computação), que quando nos vê sem vontade de aprender ou de fazer os exercícios propostos, sempre nos lembra que os “indianos não descansam”. O ditado não faz o menor sentido para que não está familiarizado com o mundo da Tecnologia da Informação (meu mundo), mas é a verdade. A Índia se tornou em poucos anos uma potência mundial em desenvolvimento de tecnologia; do nada temos que competir com a maior população do planeta pelos nossos empregos.

Por esse motivo, não fiquei surpreso quando soube que uma menina indiana, chamada M. Lavinashree, de apenas 9 anos, se tornou recentemente a mais jovem Microsoft Certified Professional (MCP).

LavinashreeLavinashree mora na zona rural da Índia
e quer ser cientista quando crescer

Para quem não sabe, se tornar um Profissional Certificado Microsoft não é o tipo de coisa que se consegue facilmente. A certificação só pode ser conseguida através de exames considerados muito difíceis, você pode conseguir um diploma de Ensino Superior facilmente neste país, mas só vai conseguir um certificado se estudar muito ou dominar muito bem a ferramenta para qual pretende se certificar.

Eu mesmo estava me preparando para, no próximo ano, iniciar cursos a fim de tentar alguma certificação na área de desenvolvimento.

Que tipo de lição se pode tirar disso? Que não podemos ceder a morosidade dos nossos cursos acadêmicos. Um diploma pode ser muito bonito, mas ninguém vai dar valor para ele, se você não for realmente bom em alguma coisa.

Referência: G1 Tecnologia

18 de dez de 2008

Internet para o povão


Se você não tinha nada melhor para fazer no último domingo, talvez tenha assistido o quadro “Central da Periferia: Lanhouse” no Fantástico. Se não assistiu que tal dar uma olhada no vídeo abaixo?

Disponível no site de vídeos da Globo

Basicamente o quadro do Fantástico foi criado para mostrar moradores da periferia, felizes acessando seu profiles no Orkut e mandando scraps para seus miguxos. A maioria das pessoas mostradas durante o quadro, representam o tipo de internauta que os “grandes” blogueiros da umbigosfera adoram criticar (apesar de não viver sem seus valiosos cliques no adsense).

Mas se você olhar o vídeo e conseguir decifrar o palavreado epilético da apresentadora Regina Casé, vai se dar conta que existe todo um mundo cultural e digital que a umbigosfera nunca se deu ao trabalho de mostrar.

Com certeza você já leu vários blogueiros reclamando da moribunda indústria fonográfica e alguns até, endeusando bandas que tem a coragem de fazer trabalhos independentes (todas bandas internacionais, veja bem).

Mas o que você não lê é que os moradores de periferia já abandonaram a indústria fonográfica a muito tempo. Se você assistiu o quadro, conheceu o caso do Henrique, que começou gravando shows e disponibilizando as músicas na internet. Todo esse processo não daria em nada se as bandas não tivessem se dado conta que disponibilizar as músicas na internet, poderia ajudar muito na divulgação do seu trabalho.

Mas como as bandas pagariam pelo serviço? Aí é que está a parte que me parece mais interessante. O Henrique conseguiu patrocínio para divulgar o trabalho das bandas através de anunciantes do comercio local. Em troca da gravação das musicas, as bandas precisavam apenas fazer merchandising dos anunciantes em seus shows. Explicando em termos mais familiares a blogueiros : o cara conseguiu monetizar conteúdo musical através da internet, e mais, conseguiu monetizar de forma que ninguém saísse perdendo, ao contrário de alguns pro-bloggers que enchem seus blogs de iscar falsas para atrair pára-quedistas.

Enquanto alguns blogueiros criticam a cultura popular no nosso país e fazem de tudo para ridicularizar os seus clicadores de adsense, o povão ignora o que seja um blog e vive feliz com seu profile no Orkut, com seus scraps e seus mp3’s que estão anos a frente de qualquer tipo de monetização que vemos hoje na internet.

14 de dez de 2008

Vírus Total: excelente ferramenta de segurança


Já faz um tempo que estava com dúvidas sobre um arquivo que pretendia se iniciar juntamente com o Windows no meu computador. Por questões práticas, o único SO que tenho instalado no meu computador pessoal é o Windows Vista, e a quem possa interessar, estou achando o sistema muito bom.

Mas voltando ao assunto do arquivo suspeito, o Windows me informou que havia um executável querendo se inicializar juntamente com o SO e me perguntou se eu permitia a execução (quem disse que o Windows não é seguro?).

A arquivo em questão era o WinLogT.exe, e como eu nunca havia ouvido falar deste processo fui buscar na internet a procedência do arquivo.

Apesar de o arquivo aparentemente ser legitimo, minhas buscas foram um tanto quanto inconclusivas (se alguém souber o que é o tal de WinLogT.exe me avise por favor). Porém, enquanto buscava respostas, descobri uma ferramenta voltada a segurança muito útil.

No site Vírus Total, você pode enviar arquivos para serem escaneados por várias ferramentas de segurança e receber um relatório ao final do processo. É possível também ver relatórios gerados por outros usuários.

Abaixo está uma amostra do relatório do arquivo que eu submeti:

Apenas um das ferramentas indicou o
arquivo como suspeito

Achei o serviço muito interessante, ainda mais porque acredito que a segurança de qualquer sistema depende mais do usuários deste do que dos anti-vírus, mas é sempre bom ter a mãos ferramentas como o Vírus Total.

Obs.: Apesar de usar Windows, não estou usando nenhum anti-vírus, pode parecer loucura, mas sou de opinião de que dependo do usuário, um sistema Windows pode funcionar muito bem sem anti-vírus.

13 de dez de 2008

Internet, refúgio dos esquisitos



Que a internet está cheio de malucos, todo mundo sabe, mas de vez em quando, ainda me surpreendo com a excentricidade de alguns internautas.

Minha plataforma favorita para blogs é o Blogger, por isso mesmo assino duas listas sobre o tema. Uma é a BlogspotBrasil e a outra é o fórum oficial de ajuda do Google, onde podemos contar com funcionários da empresa (chamados Guias do Google) para resolver nossos problemas referentes aos produtos Google.

Sempre que posso e tenho condições, respondo as dúvidas de outros membros do grupo. Mas hoje, me deparo no grupo com um desses malucos que vagueiam pela internet. Olha só o e-mail (com os meus devidos comentários) que eu recebi no meio de uma thread onde tentávamos ajudar uma usuária com as imagens do seu blog.

Caraca, Tailor(já escreveu meu nome errado), o que é que os Anjos(piada com meu nome é um saco) tão fazendo contigo, meu nome é T**** (vou preservar o nome por respeito) sou médium e teu nome indica que tu é um cristo(WTF) (pessoas que sofrem a muito tempo, inclusive outras vidas e não conseguem se libertar de perseguidores espirituais), aliás uma das minhas especialidades é cuidar e libertar cristoas(sic), me manda um e-mail pra gente bater um papo, não cobro nada por isso e te garanto que sou gente boa.Só não esquece duas coisas, oportunidades como essa são raras, e os teus perseguidores não querem que tu receba ajuda. (nem sábia que estava sendo perseguido)O computador é uma das formas mais seguras de contato que existem, me contata carinha, sou boa no que faço e fasso(sic) por amor a caridade e as pessoas que sofrem, tô aguardando. Beijos, T****

UAU! Que dizer que eu estou sofrendo e não sabia!

Porém, eu não fui o único contatado pela moça em questão. Ela deixou mensagens semelhantes em quase todas as thread’s do grupo e para vários participantes. Olha só essa:

OI, Andrea Motta com dois Ts de crsito, pediu chegou, qualquer problema que tu tiver entra em contato comigo telepaticamente ou por e-mail, sou rápida para resolver problemas, e adoro bater Papo mesmo, nem pensa em não incomodar isso é bobagem , gente que gosta de gente só se ajuda, não dá trabalho. Tenho um grupo no Google o Nós por Nós - Luz T, tem umas coisinhas legais lá. Beijos mil, da T

O que? Ela é telapata? E o mais legal é que ela desenvolveu o dom de se comunicar com o grupo de ajuda por telepatia.

Ana, e-mail resposta, solicitado telepaticamente por ti hoje, dia 13/12, às 5:48 da manhâ, só escrevo mais, se tu me escrever de volta, Beijos mil, T**** M******, (C******, J***, T****T****, P****** N****)


Pelo menos ela não parece ser o tipo de louco perigoso e não parece ser má pessoa. Como estou curioso para saber sobre quem me persegue desde outras vidas, vou mandar uma e-mail para ela agora. Só espero que a caixa de entrada telepática dela não esteja lotada!

10 de dez de 2008

Banda Larga ... no fim do mundo


Por três longos anos (ou até mais), supliquei, implorei e mendiguei a Brasil Telecom por uma conexão de internet banda larga. Nos últimos meses aguardei pela internet pública que a prefeitura prometeu aos moradores da minha cidade, porém a promessa não se cumpriu e talvez nunca se cumpra (mas isso é assunto para outro post) . Nos últimos meses estava decidido a sacrificar uma boa parte do meu minguado salário de aprendiz de arigó, para pagar uma conexão via modem de operadoras de telefonia celular ( e eu não estou falando de 3G).

Mas então, o inesperado aconteceu! Recebi uma ligação da Brasil Telecom, me informando que “estariam(!) disponibilizando para minha linha telefônica uma conexão de banda larga de 250KBPs” por um valor até bem razoável. Minha primeira pergunta obviamente, foi em relação á maiores velocidades, e por está pergunta fui brindado com a resposta quase que desalentadora de que “no momento estamos disponibilizando para o senhor apenas uma conexão de 250KBPs, mas até 2010(!) estaremos ampliando nossa rede e poderemos lhe oferecer uma conexão de até 2MBPs”!!!

Sabem o pior disso tudo? Eu aceitei a proposta da BrTelecaco! Que venha a internet com preço de banda larga e velocidade de internet discada!

No momento estou aguardando o técnico me confirmar a ativação do serviço. Enquanto isso, estou fazendo algo que não fazia desde criança, quando queria ficar navegando na internet sem levar bronca dos meus pais por estourar a conta telefônica: estou navegando via 0800, que é “di gratis” e funciona melhor do que muitos provedores gratuitos que nos enviam goela abaixo.

4 de dez de 2008

Uma doença chamada Humanidade

As tragédias, como as ocorridas em Santa Catarina, chamam nossa atenção para questões como Aquecimento Global, Destruição da Natureza, a Influência do Homem no Meio Ambiente. De todos os cantos pululam as opiniões de que a natureza está “se vingando e cobrando o seu preço”, que o planeta está se revoltando contra aqueles que o estão levando a destruição. Até onde eu sei planetas não são organismos racionais para praticar vinganças e, a não ser, que você seja um defensor de teorias místicas como a de Gaia, a de concordar comigo.

Muitos se perguntam: “o que está acontecendo com o nosso planeta?”

E eu respondo: quem disse que o planeta é NOSSO!

Desde crianças somos condicionados a acreditar que o planeta em que vivemos foi feito para nosso único e exclusivo uso. Muitos de nós, independente da religião, aprendemos que o ser - humano é o centro do universo e que tudo gira ao nosso redor. Pois saiba que o que você aprendeu até hoje estava ERRADO, o mundo em que vivemos não foi feito para ser usado, abusado e reciclado!

Sou ateu, então não tenho crenças religiosas; talvez por isso não me sinta envergonhado de expor meu desconhecimento do motivo de estarmos aqui neste planeta (se é que existe um motivo). Só sei que este mundo parece seguir uma ordem natural que nós, decididamente estamos desrespeitando; e está regra é: não perturbe o equilíbrio ecológico!

Ao longo a história natural desde planeta, espécies surgiram e desapareceram, montanhas cresceram, continentes se dividiram e meteoros caíram

Mas sempre o ciclo natural do planeta foi respeitado, dando a este a possibilidade de se regenerar.

Até que um dia surgiu uma espécie de animal que se julgou melhor que os outros animais, que se admira de ser chamado de “animal”, já que o termo lhe parece tão indigno. Esta espécie, segundo as especificações criadas por ela mesmo, são mamíferos, bípedes, parentes próximos dos primatas. Se o planeta fosse um ser inteligente (Gaia novamente), os classificaria, na verdade, como uma espécie de vírus, um câncer, uma doença terminal, que ao mesmo tempo em que evolui e se reproduz, destrói seu hospedeiro e agoniza com este, até o derradeiro momento da morte, que encerrara com a existência dos dois.

Isso é que nos somos, um câncer, que se alastra rapidamente por um organismo que parece não ter meios de defesa.

Alguns de nós pregam o lucro sustentável, as boas praticas com a natureza: “Não jogue lixo no chão” , “Vamos reciclar para ajudar o planeta!!!”. Ora, meus leitores, não se enganem achando que você está ajudando o planeta colocando aquele seu papelzinho de bala no lixo marcado como inorgânico, na verdade, nem mesmo poderia dizer que você está deixando de atrapalhar a sobrevivência deste planeta.

Existe sim uma causa para a lenta agonia da Terra, e sim, nos seres humanos somos os culpados, mas esta causa não se chama “Aquecimento Global”, não é culpa dos Estados Unidos (pelo menos, não só deles) e não é citada nos protestos do Greenpeace. O nome do motivo deste planeta estar em agonia é CONSUMISMO!

Então você acha que o planeta vai estar protegido do seu papel de bala, já que você o depositou adequadamente na lixeira colorida, marcada como repositório de detritos inorgânicos? Mas será que você pensou na energia necessária para transformar o petróleo cru no plástico que envolveu sua bala? Você pensou nas toneladas de resíduos industriais que foram produzidas para tornar lucrativo e rentável, envolver este pequeno doce em sua embalagem? Você pensou na poluição, que os carros e ônibus que transportam os funcionários até a fabrica de papeis de bala, soltaram na atmosfera?

Talvez você não devesse ter comido aquela bala! Talvez você não devesse ter comprado aquela bala!! Talvez a humanidade não devesse ter inventado balas que precisam ser envolvidas em embalagens plásticas, que mesmos após o uso e deposito na lixeira colorida, com a etiqueta de inorgânico, ainda contribuem para a destruição do planeta.

Pareço um bobo, falando asneiras, mas o ponto onde quero chegar é que destruímos o planeta, não porque não botamos o nosso lixo no lugar certo, mas sim porque produzimos lixo(!), e mesmo que enviássemos nosso lixo para o espaço sideral, este já teria cumprido seu papel como destruidor do planeta.

Consumimos mais do que precisamos, pegamos mais do que o planeta pode nos oferecer, somos em maior quantidade do que o planeta pode agüentar, mas não para sempre! Um dia o câncer vence, e de forma ambígua, derrota a si mesmo!

3 de dez de 2008

Quem disse que eu vou morrer...

Recebi um convite de meme da Raquel e da Bruna. O meme me incentiva a listar oito coisas que pretendo fazer antes de morrer (subentendendo-se que são coisas que eu ainda não fiz, mas que pretendo fazer em algum momento da minha vida).

Claro que o termo "antes de morrer" não se aplica a mim porque eu não pretendo morrer. A morte parece ser uma coisa muita chata, não sou um "maria vai com as outras", para fazer alguma coisa, só porque todo mundo faz.

Mas retornando ao assunto, oito coisas que eu pretendo fazer na minha vida (que eu ainda não fiz):

voar de paraglider:

tenho um medo mortal de altura, tenho vertigens só de subir em uma cadeira do jardim de infância, por isso mesmo gostaria de fazer aulas de paraglider, afim de desafiar o meu medo. Outro motivo, é que nasci e moro em uma cidade privilegiada para o esporte. O Morro Ferrabraz, em Sapiranga, é referência internacional para a prática do Vôo Livre.

aprender várias línguas:

existe muito conhecimento espalhado pelo mundo e eu realmente quero ter acesso a esse conhecimento, infelizmente o idioma pode ser uma barreira para isso.

escrever um livro:

sempre quis ser escritor, claro que para isso vou ter primeiro aprender a escrever. Não quero ser um escritor famoso, quero apenas poder me considerar um escritor de verdade.

ganhar um prêmio no Teatro:

adoro fazer teatro, não atuo por dinheiro ou por reconhecimento, mas sim pelo prazer de usar as mascaras do teatro em cima do palco; no entanto, prêmios são símbolos de reconhecimento, por isso, pelo menos uma vez eu queria ganhar qualquer coisa que seja, em reconhecimento a minha atuação.

superar meu déficit de atenção:

só consigo prestar atenção naquilo que realmente me interessa, fora isso, parece que existe uma barreira em minha mente bloqueando novos conhecimentos. Este déficit pode ser bastante problemático, como quando tenho que estudar Cálculo, por exemplo.

desenvolver telecinese, piro-cisese, crio-cinese ou qualquer tipo de cinese:

sonho infantil que me persegue até hoje.

dominar o universo:

porque dominar o mundo já tá muito manjado. Com certeza eu seria um ótimo ditador tirano comandante

dormir mais:

sou o tipo de pessoa que precisa pelo menos de 8 ou 9 horas de sono por dia para poder ter uma boa saúde física e mental. Faz tempo que abdiquei do prazer de dormir bem e não tenho idéia de quando vou voltar a ter boas noites de sono regularmente.