24 de jun de 2009

Bye, bye … Clark Kent

Eu ia escrever um texto lindo, de duas laudas, sobre o fim da obrigatoriedade do diploma para exercer a profissão de jornalista, mas ai percebi que poderia resumir minha opinião sobre o assunto em dois simples argumentos.

war-zone-2-journalist-cartoonEu sou a favor do fim da obrigatoriedade porque sei que existem muito jornalista dando carteiraço com o diploma, sendo que tem gente muito mais qualificada para trabalhar em veículos de mídia, mas acaba ganhando menos porque escolheu se especializar na área para a qual escreve e não em jornalismo em si; exemplos: tecnologia, direito, economia, ciências políticas. Além do que, a profissão de jornalista como conhecemos hoje está morrendo e este é apenas mais um prego no caixão.

Eu sou contra o fim da obrigatoriedade porque ela pode colocar profissionais despreparados no mercado e diminuir o salário de profissionais formados e bem preparados, que podem perder a motivação para exercer sua função social como comunicadores e acabar em trabalhos esdrúxulos, como revistas de fofocas ou no Balanço Geral ( se bem que as pautas do Balanço Geral devem ser escritas por um gorila no cio e o apresentador coloca algumas palavras no meio para parecer jornalismo).     

Se for do interesse de alguém, eu li alguns textos realmente bons sobre o assunto:

http://www.rafael.galvao.org/2009/06/de-jornalistas-e-ascensoristas/ (texto chato, mas muito bom, indicação do Alex Castro no seu blog)

http://www.interney.net/blogs/aomirante/2009/06/19/stf_derruba_a_obrigatoriedade_do_diploma/ (texto muito engraçado, fazendo algumas comparações que fazem bastante sentido)

http://msantuario.blogspot.com/2009/06/formacao-sim-com-diploma-no-fim.html (Santuario é professor de jornalismo da Feevale e foi um dos poucos jornalistas que não escreveu um monte de lamentações, condenando o povo brasileiro ao inferno jornalístico depois da decisão do fim da obrigatoriedade do diploma, parabéns a ele)

 

 

imagem

 

 

fxb63tn8ri

3 comentários:

  1. Parabéns pela postagem..

    Só fiquei com vontade de te socar no início, mas quando prossegui na leitura, desisti!

    ResponderExcluir
  2. O único lado positivo que vejo é que, agora, veremos quem realmente gosta de jornalismo e quem realmente é bom.

    Tenho vontade de pegar o excelentíssimo Gilmar e fazer um carreteiro.

    Mas sabe, acho que o complexo de Clark Kent tem que continuar sim. Acho que, às vezes, é esse tipo de pensamento idealístico e as ações feitas baseadas nele que movem a profissão para a frente.

    Ao passo que decisões como essas do STF movem o país (que PRECISA de educação) para trás.

    ResponderExcluir
  3. "(...) tratam os outros mal, porque precisam desesperadamente mostrar que são melhores que todo mundo."

    Meu amigo, eu não poderia concordar mais com você! Tirou as palavras da minha boca, ou os pensamentos da minha cabeça, ou as letras dos meus dedos! Rsrsrs!

    ResponderExcluir