8 de jul de 2009

Négocios Caracu na prestação de serviços


Estava lendo o blog da Cris Dias e encontrei um vídeo que fala muito sobre o mercado de trabalho na área de computação.

No vídeo em questão, podemos ver como seria se os consumidores comprassem produtos da mesma forma que contratam alguns serviços.

No área de desenvolvimento de software é comum encontrar potenciais "compradores" que dizem que a softhouse está cobrando demais, que pedem descontos absurdos ou que são incapazes de entender que serviços também devem ser valorizados como produtos.

E isso não acontece só no mercado de Software; com certeza arquitetos, desenhistas, publicitários a até diaristas devem sofrer este tipo de situação.

Dê uma olhada no vídeo, que se algum dia você já trabalhou com prestação de serviços vai entender perfeitamente o que estou falando.




Eu nem trabalho na área comercial de prestação de serviços e mesmo assim já vivi algumas situações bem parecidas com as mostradas.

2 comentários:

  1. Hahaha, muito bom o vídeo... eu nunca tinha parado pra pensar sob esta óptica.

    ResponderExcluir
  2. É bem verdade esse vídeo mesmo, já passei por uma situação similar.

    ResponderExcluir