13 de out de 2009

Eu defendo e aprovo Aline

Aline Rede Globo Eu li em um blog por ai uma critica bastante azeda ao seriado Aline, que passa na Rede Globo, as quintas-feiras depois de A Grande Família. A justifica para criticar o seriado, é o fato de mostrar abertamente a relação de uma garota e seus dois namorados.

Algumas pessoas podem achar promíscuo uma garota com dois namorados, mas eu penso que isso é totalmente normal.

O politicamente correto é uma coisa muito estranha quando subvertido. A história de Aline e seus dois namorados não é original, afinal de contas, Jorge Amado já explorou o tema em um dos seus mais famosos romances: Dona Flor e seus dois maridos.

Acho que está na hora da pessoas perceberem a diferença entre uma relação promíscua e uma relação liberal. Na verdade, nem deveria existir o termo "relação liberal".

Toda relação é valida desde que seja saudável. E quem enche a boca para dizer que os valores de antigamente estão se degradando, deveria perceber que os valores de antigamente pregavam uma relação de submissão da mulher em relação ao homem.

E se você não assistiu ainda Aline, eu recomendo. O seriado é baseado no personagem Aline do Adão Iturrusgarai, de uma forma um pouco restrita, é claro. Aline é bobinha, engraçada, mulherzinha, com um roteiro meio desconexo, mas mesmo assim vale muito a pena. Se existissem mais programas assim na TV aberta, talvez a juventude brasileira não fosse tão estupida, inculta e reacionária quanto é hoje.

E só para vocês saberem, a Aline da Rede Globo é uma Santa comparada com a Aline original.

aline-2782

9 comentários:

  1. Adoro.
    uashaushua

    Adoro o Adão Iturrusgarai. As charges dele são ótimas!
    Fiquei com vontade de ver...

    Concordo contigo, Tê. Acho que toda a relação é válida se for saudável e te fizer bem. Com um, com dois, com três, com o raio que o parta, desde que todas as partes saibam muito bem onde estão se metendo. :P

    ResponderExcluir
  2. Concordo tb! as vezes o que nao me falta completa alguém... rsrs!
    adoro a Aline original já!
    gostei do teu blog, estou seguindo!
    xeru

    ResponderExcluir
  3. Parabéns, você é apenas mais um acéfalo metido a intelectual

    ResponderExcluir
  4. Teilor,

    Obrigado pela referência.
    Apenas destaco que a minha crítica não é contra a cultura, mas contra a veiculação em TV Aberta.
    Aliás seria mais ou menos a mesma se uma comédia romântica passasse no SexyHot, não seria adequado...
    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Obrigado pela visita Jorge Araujo. Coloquei a referência ao seu blog porque considerei sua opinião justa (embora não concorde de maneira nenhuma com ela).

    Mas acho que Aline é um programa que se enquadra muito bem na TV aberta. Na verdade acho bom que esteja na TV aberta porque assim pode atingir um público bem maior.

    ResponderExcluir
  6. Eu li o texto de ambos, e entendi o texto do Jorge da seguinte maneira: o problema não é a série, e sim quem o vê; como estas pessoas que assistem estão entendendo ele? será que vão distorcer e aplicar tudo a sua vida sem antes compreender ou questionar?

    E eu entendi o seu também, penso que uma pessoa com um pouco de bom senso é capaz de entender a série, a questão é achar pessoas de bom senso.

    ResponderExcluir
  7. @Copyright, você está completamente certo. O meu problema é que costumo acreditar que todas as pessoas tem bom sendo. Na verdade, talvez as pessoas tivessem até mais bom sendo com mais programas como Aline na grade de programação da TV aberta

    ResponderExcluir
  8. É uma santa mesmo a da TV... mas eu gostei da série, sabe? Muito boa, e já adorava as tiras!!!

    ResponderExcluir
  9. anus depois, ALINE continua um lixo total!Vou até denunciar no MP junto com o BBB, alem de ser imoral, é inconstitucional!!não contribui em nada para educaçao pelo contrario, o ser humano tá ficando cada dia mais mediocre e pobre de cultura.

    ResponderExcluir